Para Padilha, candidatos à presidência “não tem muita vontade” de debater Previdência

Por Lucas Lyra

 

Eliseu Padilha, ministro da Casa-Civil, declarou nesta segunda-feira (14), que tem se reunido com diversos pré-candidatos à Presidência da República e que quando o tema é Reforma da Previdência, os postulantes ao Planalto não têm “muita vontade” de debater.

“Nós estamos por enquanto ouvindo os candidatos e não temos visto muita vontade de discussão com o tema previdenciário. Mas, por vezes, a posição do candidato não é a posição do eleito. Vamos ver aquele que vai se eleger, para ver se não terá interesse que a gente resolva isto este ano”, afirmou Padilha.

O ministro também aproveitou para fazer um balanço dos dois anos do governo Temer. Ele salientou o controle da inflação e dos juros no período, além das reformas do Ensino Médio e Trabalhista. “Devo lastimar aqui, não poderia passar em branco, que não conseguimos levar a cabo a reforma da Previdência, por enquanto pelo menos, porque nós ainda temos até 31 de dezembro e essa possibilidade não está extinta, em que pese nós tenhamos tido dificuldade, e essa é a reforma das reformas agora no que diz respeito ao ajuste fiscal”, finalizou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *