Conab corta previsão de produção de açúcar do Brasil em 7,3% e vê recorde para etanol

Por Reuters

O Brasil deve produzir 31,7 milhões de toneladas de açúcar na atual safra 2018/19, que se encaminha para o final, projetou nesta quinta-feira a Conab, em um corte de 7,3% ante a previsão anterior, feita em agosto, de 34,2 milhões de toneladas.

A redução se dá em meio à maior preferência das usinas do país pelo etanol, que tem se mostrado mais competitivo que o açúcar ao longo do ano.

Caso se confirme, o volume seria 16,2% menor na comparação com 2017/18, o mais baixo em cerca de 10 anos e poderia levar o país a perder para a Índia o posto de líder global em produção do adoçante.

Em seu terceiro levantamento sobre o ciclo 2018/19, a Companhia Nacional de Abastecimento disse que do total estimado, 29,1 milhões de toneladas de açúcar serão fabricadas no centro-sul, principal polo canavieiro do país, enquanto os outros 2,6 milhões no Norte/Nordeste.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *