Para evitar greve, governo anuncia crédito de R$ 500 mi para caminhoneiros

 

Para evitar uma nova greve dos caminhoneiros, o governo federal anunciou nesta terça-feira (16) uma série de medidas para aprimorar o trabalho da categoria. Dentre elas está a abertura de uma linha de crédito do BNDES para caminhoneiros autônomos no valor de 500 milhões de reais e o investimento de 2 bilhões de reais em rodoviais..

O recurso do crédito será restrito a aqueles que têm até dois caminhões por CPF e deve atingir o valor de 30 mil reais para cada motorista. O objetivo é oferecer meios para a compra de pneus e manutenção dos veículos.

Em entrevista coletiva, o ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, afirmou que a linha vai ser inicialmente distribuída pelo Banco do Brasil e pela Caixa e posteriormente para todos os demais bancos e cooperativas de crédito para “permitir que o autônomo tenha acesso a esse importante instrumento”.

A nova linha foi discutida na segunda-feira (15) no Palácio do Planalto, com o presidente do BNDES, Joaquim Levy. O BNDES informou que o benefício está sendo desenhado em parceria e coordenação do Ministério da Economia.

Da Redação, com informações do Portal Exame.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *